19.12.10

Meu super-herói favorito morreu

Ontem o meu super-herói morreu...
Quando os bons se vão o céu chora, e ontem o céu chorou..
Chorou com os que aqui choravam.. mas logo o céu se abriu, e o sol brilhou forte.. brilhou forte porque o céu triunfava por receber um grande homem.

Eu precisava extravasar tudo o que estava sentindo e foi com um sentimento misto de dor e alegria que escrevi isso..


Sobreviver a dois atropelamentos gravíssimos não é para qualquer um, só possuindo super-poderes!

Meu super-herói era forte, bonito e saudável , assim como a maioria dos super-heróis..
Amigo da paz, mas, quando necessário, o exímio guerreio lutava bravamente pela verdade e pelo que é certo.
Fazia e contava piadas, era brincalhão, como um menino..
Em rodas de conversa, entre amigos e família, quando alguém começava lembrar nomes de pessoas que já morreram ele sempre soltava: "Éeeeee... Engraçado! Gente que nunca tinha morrido agora está morrendo", e todos riam...
Não sabia ele, ou sabia (acredito), que estava nos ensinando a lidar com a morte como algo natural, e é o que é!
Ele nos ensinou muitas lições..

Em especial, me ensinou uma lição: A paciência.
Quando eu era pequenina (como ele dizia), certo dia, brincando com um pente, a criança sem juízo o enroscou no cabelo de tal forma que todos diziam: "O jeito é cortar o cabelo dessa menina!" -e eu chorava muito.
Então o meu super-herói disse: "Calma, deixa isso comigo!" -Me tranquilizou e com toda paciência do mundo desembaraçou, cuidadosamente, fio a fio de cabelo até que o pente se soltasse.
Não foi só uma lição de paciência, mas de amor, de cuidado.. E assim era o meu super-herói!

Outra lição que aprendi com ele quando era criança: Formiga faz bem para as vistas!
Meu super-herói trabalhava em uma beneficiadora de arroz própria, passei grande parte da minha infância lá. Acontece que, a garrafa com água que ficava no balcão daquele lugar sempre estava cheia de formiguinhas.
Então eu dizia: "Estou com sede, mas tem formiga na água" -e ele: "Não faz mal! Formiga é bom para as vistas!"
E eu bebia a água tranquilamente, porque sabia que não faria mal. Mas agora, com tanto tempo que não bebo aquela água, minhas vistas não estão mais tão boas como eram.

Meu super-herói sentia orgulho de mim..
Ele dizia: "a nikinha é inteligente!"
Quanta honra, meu super-herói orgulhoso de mim! Queria muito que ele soubesse que acabo de me formar na faculdade.

Meu super-herói era metido a italiano, sempre soltava palavras e frases no idioma. Ele me perguntava o significado e seguido de um "não sei" ou alguma tentativa frustrada ele abria um riso gostoso e fazia a tradução. -algumas vezes eu acertava, poucas u.u

Meu super-herói morreu porque é herói de verdade, ao contrário do super-man que não envelhece e é imortal. Meu super-herói enfrentou a vida e a morte.
Ora, são as consequências de existir: nascer, crescer, morrer.

E o meu vô, em sua existência, se tornou o meu super-herói!
Com super poderes de tornar a vida de todos a sua volta uma vida melhor.
Deus, me dê esses super poderes, quero ser forte, mulher de fibra, paciente, brincalhona, amiga da paz e exímia guerreira!

Nesses momentos as pessoas se perguntam porque Deus deixou isso acontecer e até negam sua existência.
Realmente, Deus não existe! Deus é! É porque não tem começo ou fim.
Acontecimentos naturais não são objeto de prova da "existência de Deus".
Acontecimentos fatídicos não são objeto de prova da "existência de Deus".
É muita pretensão de quem crê tentar provar que Deus existe. Quem sou eu, em minha pequena existência, para me levantar em defesa de Deus que é!? Sem começo ou fim.

Todavia, mesmo não podendo provar, sei do que vi e vivi com meu vô. E em todo o tempo pude ver Deus em meu vô. Sim, porque meu vô pregava o evangelho o tempo todo, não com palavras, mas com ações. Ele não precisava falar de Deus porque Deus estava em suas atitudes, em sua vida e estou bem certa que é ele que está com Deus agora.

Me dá muito orgulho ser neta do Luciano Pietrobon, ter o sangue dele correndo em mim. Me dá orgulho saber o quanto ele era querido por todos que o conheciam, e eram muitos!
Mesmo que não haja pessoa perfeita, digo que meu vô foi perfeito em caráter, em atitude, em amor.. viveu, em plenitude, tudo o que era bom!

Como o sobre-nome diz.. pietrobon (pedra boa).. Meu vô, foi precioso como uma pedra rara e fina e firme como a rocha, estabeleceu bases fortes por onde andou!

Obrigada vozão por tudo, sentirei saudades!

Obrigada Deus por me dar a honra de ser neta de um super-herói!


*a formatação está péssima, mas estou cansada para arrumar, peço desculpa pelo desleixo.

2.2.10

A Sensatez (Herbert Viana)

.
.
Cirurgia de lipoaspiração?

Pelo amor de Deus, eu não quero usar nada nem ninguém, nem falar do que não sei, nem procurar culpados, nem acusar ou apontar pessoas, mas ninguém está percebendo que toda essa busca insana pela estética ideal é muito menos lipo-as e muito mais piração?

Uma coisa é saúde outra é obsessão.

O mundo pirou, enlouqueceu.

Hoje, Deus é a auto imagem.

Religião é dieta. Fé, só na estética.

Ritual é malhação.

Amor é cafona, sinceridade é careta, pudor é ridículo, sentimento é bobagem.

Gordura é pecado mortal. Ruga é contravenção.

Roubar pode, envelhecer, não.

Estria é caso de polícia.

Celulite é falta de educação.

Filho da puta bem sucedido é exemplo de sucesso.

A gostosona da TV tem muito mais consideração do que a que está ao seu lado? A mulher mais bonita do mundo é aquela que você escolheu e que te ama.

A máxima moderna é uma só: pagando bem, que mal tem?

A sociedade consumidora, a que tem dinheiro, a que produz,não pensa em mais nada além da imagem, imagem, imagem. Imagem, estética, medidas, beleza.

Nada mais importa. Não importam os sentimentos, não importa a cultura, a sabedoria, o relacionamento, a amizade, a ajuda, nada mais importa. Não importa o outro, o coletivo. Jovens não têm mais fé, nem idealismo, nem posição política. Adultos perdem o senso em busca da juventude fabricada..

Ok, eu também quero me sentir bem, quero caber nas roupas, quero ficar legal, quero caminhar, correr, viver muito, ter uma aparência legal,mas…

Uma sociedade de adolescentes anoréxicas e bulímicas, de jovens lipoaspirados, turbinados, aos vinte anos não é natural.

Não é; não pode ser. Que as pessoas discutam o assunto..

Que alguém acorde. Que o mundo mude. Que eu me acalme…

Que o amor sobreviva. Pois esse sim, ninguém poderá mudá-lo; o amor será sempre naturalmente belo e verdadeiro..

‘Cuide bem do seu amor, seja ele quem for’.

Herbert Vianna (Cantor e Compositor)